domingo, 27 de fevereiro de 2011

SIMULADOS - P1 - 1º BIMESTRE

1º ano – Português

Texto para as questões 1 e 2:

(Ufscar)
Selinho, sim, mas só para poucos
Primeiro, Hebe Camargo, toda animada, pediu a Sílvio Santos um "selinho" (beijinho). Não ganhou, "Nem selinho, nem selo, nem selão", ouviu dele, categórico. Em seguida, Gilberto Gil entrou no palco, de mão estendida para cumprimentá-lo. O que fez o apresentador? Disse "selinho", esticou os lábios e zás - tascou um beijinho na boca do músico. A cena foi ao ar de madrugada, no encerramento do “Teleton”, a Maratona beneficiente exibida pelo SBT. Gil ficou surpreso. Hebe fingiu brabeza e Sílvio riu muito. "Tirei uma onda, foi só uma bicotinha", diz ele. “Tudo tem uma primeira vez”. (Veja.)

1. O termo "selinho" é bastante utilizado na linguagem atual. O diminutivo no uso da palavra serve para enfatizar que se trata de um beijo
a) indiscreto.
b) demorado.
c) engraçado.
d) indecente.
e) breve.

2. O vocabulário do texto mostra que o jornalista optou por uma expressão mais à vontade e informal. Essa opção pode ser comprovada pelo emprego de:
a) "toda animada" e "categórico".
b) "categórico" e "tascou".
c) "esticou" e "tascou".
d) "beijinho" e "encerramento".
e) "encerramento" e "beneficiente".

INSTRUÇÃO: A questão 3 baseia-se no seguinte fragmento de texto:

"Os jovens inventaram um novo jeito de se referir às pessoas com alto conceito de si mesmas. São pessoas que 'se acham’, forma abreviada de 'se acham o máximo'."
(Fragmento extraído do Ensaio da edição de 31-08-05 da revista VEJA, por Roberto Pompeu de Toledo)

3. (UNIMONTES/PAES) No que diz respeito a esse novo jeito de os jovens se referirem às pessoas com alto conceito de si mesmas, é INCORRETO afirmar, com base nas concepções atuais sobre variação lingüística:
a) Há pessoas que falam de modo diferente, por serem de outras cidades ou regiões do país, ou por terem idade diferente da nossa, ou por fazerem parte de outro grupo ou classe social.
b) Todas as variedades são corretas, desde que cumpram com eficiência o papel fundamental de uma língua - o de permitir a interação verbal entre as pessoas.
c) Devemos nos comunicar sempre, em qualquer situação, no padrão culto da língua, variedade de maior prestígio social.
d) A linguagem que usamos não transmite apenas nossas idéias. Certas palavras e construções que empregamos acabam "denunciando" quem somos socialmente.

4. A palavra tráfico não dever ser confundida com tráfego, seu parônimo. Em que item a seguir o par de vocábulos é exemplo de homonímia e não de paronímia?
a) estrato / extrato
b) flagrante / fragrante
c) eminente / iminente
d) inflação / infração
e) cavaleiro / cavalheiro

Gabarito: 1E,2C,3C,4A


1º ano – Interpretação de Textos

1. Uma pessoa é convidada a dar uma palestra em Espanhol. A pessoa não aceita o convite, pois não sabia falar com fluência a língua Espanhola. Se esta pessoa tivesse aceitado fazer esta palestra seria um fracasso porque:
a) não conhecia a mensagem
b) não dominava o código
c) não conhecia o referente
d) não conhecia o receptor

2. De acordo com o texto abaixo, assinale a alternativa em que o elemento da comunicação esteja identificado INCORRETAMENTE:

“ Um menino, jogando bola na rua, quebra a vidraça do Sr. Manuel. Furioso, ele grita :
- Moleque danado. Seu pai vai ter que pagar!
O garoto, então, foge em disparada.”

a) Emissor: Sr. Manuel
b) Mensagem: Moleque danado. Seu pai vai ter que pagar!
c) Receptor: O pai do menino
d) Código: Verbal ( Língua portuguesa )

3. Leia o texto e responda.



Qual a função da linguagem comum às duas historinhas?
a) Metalinguística
b) Conativa
c) Referencial
d) Poética

4.

Poética

Que é poesia?
uma ilha
cercada
de palavras
por todos os lados
Que é um poeta?
um homem
que trabalha um poema
com o suor do seu rosto
Um homem
que tem fome
como qualquer outro
homem.
(Cassiano Ricardo)

Embora haja recursos nítidos da função poética da linguagem no texto de Cassiano Ricardo, o eu-lírico faz uma reflexão típica da função
a) fática
b) conativa
c) metalinguística
d) emotiva

Gabarito: 1B,2C,3A,4C

2º ano – Português

1. (PUC) Segundo o gramático Cegalla (1979: 215), o sujeito é indeterminado “quando não se indica o agente da ação verbal”. Examine os períodos abaixo à luz da definição de sujeito indeterminado dada pelo gramático e marque a alternativa que para esse gramático contém exemplos de sujeito indeterminado, mas não o são.

I. Tentaram entrar na minha casa de madrugada.
II. Alguém tentou entrar na minha casa de madrugada.
III. Ventou muito durante a noite.
IV. Minha irmã foi atropelada ontem.
V. Ouviram-se muitos gritos na cidade.
VI. Vive-se bem no interior.

a) II, III, IV, V
b) II, III, V, VI
c) I, II, IV, V
d) III, IV, V, VI

2. Esta palavra – dolo – aprendi ontem. Os termos grifados são respectivamente:

a) sujeito, VTD.
b) objeto, VTI.
c) objeto , VTD
d) sujeito, VTI


3. Assinale a alternativa que indica a correta análise do termo grifado: Foi derrubada a grande árvore.
a) agente da passiva
b) objeto direto
c) objeto indireto
d) sujeito

4. (UNIRIO-RJ) Em “Na mocidade, muitas coisas lhe haviam acontecido”, temos oração:
a) sem sujeito
b) com sujeito determinado simples
c) com sujeito determinado simples e oculto
d) com sujeito indeterminado

Gabarito: 1A,2C,3D,4A


2º ano – Interpretação de Textos

A SEGUIR, VOCÊ LERÁ OPINIÕES DE PESSOAS QUE PARTICIPARAM DE UMA PESQUISA, PROMOVIDA PELA REVISTA UMA (Nº. 1, 2000), SOBRE A DESCONFIANÇA ENTRE MULHERES. AS QUESTÕES DE 1 E 2 DA PROVA SE REFEREM A ESSAS OPINIÕES.

I. As mulheres sentem prazer em chefiar homens. Até porque, quando você “come o fígado” do homem, ele se defende, levanta e vai embora. A mulher cai no choro.
Valentina Caran, 46 anos, empresária

II. Mulheres e homens agem da mesma maneira no poder. Essa igualdade fica patente quando observamos Margareth Thatcher, Indira Ganghi e Golda Meir, que foram duras e lançaram mão da guerra.
Bóris Casoy, 59 anos, jornalista

III. Quero a mulher na política. Pelo fato de ser mãe, ela é mais honesta.
Maria Lúcia Lechesi, 43 anos, secretária

IV. Eu votaria numa mulher porque, na administração, mulher é mais confiável.
Ela pensa nos filhos, pensa diferente.
Cristiane Ferrosi, 28 anos, bancária

1. (PUC) Assinale a alternativa INCORRETA:
a) As quatro opiniões defendem a superioridade das mulheres.
b) Pode-se dizer que, segundo a opinião II, a mulher, em algumas situações, é igual ao homem, o que não equivale a dizer que ambos são iguais.
c) A opinião IV permite pensar que os homens na política só pensam em seus próprios interesses.
d) É possível dizer que a opinião III defende a mulher na política, não só aquelas que são mães.

2. (PUC) Assinale a alternativa INCORRETA:
a) Em III, subentende-se que falta honestidade na política.
b) Em III e IV, subentende-se que o comportamento dos homens na política não agrada.
c) Em I, subentende-se que as mulheres não têm profissionalismo.
d) Em II, subentende-se que homens e mulheres têm idêntica força, mas não idêntica competência.

Texto III – para as questões 3 e 4.

A PEDAGOGIA DO ESPETÁCULO
ONGs mantêm escola para ensinar técnicas de manifestação de rua. As organizações americanas e européias sustentam uma escola internacional de desobediência civil, a Ruckus Society (Sociedade da Bagunça). Somente nos EUA ela possui 24 campos de treinamento. No currículo, há práticas de sabotagem, treino de escalada de prédios, técnicas de discurso e bloqueio a veículos e relações com a imprensa. As táticas são típicas de guerrilha urbana, sem a violência da tradicional. Procura-se atrair a atenção e envolver o público.
(Revista Época, 18/09/2000)

3. (PUC) Assinale a alternativa que apresenta consideração INADEQUADA sobre o texto.
a) O fato de o autor não fornecer o significado da sigla ONGs – Organizações não-governamentais – indica que ele acredita que esse conhecimento é partilhado por seu provável leitor.
b) O trecho As organizações americanas e européias sustentam uma escola internacional de desobediência civil indica que a escola subsidiada pelas ONGs é a única existente no mundo.
c) Pode-se dizer que os termos sabotagem e campos de treinamento remetem ao campo conceitual da guerra.
d) O termo espetáculo, no título, pode ser relacionado ao último enunciado do texto, momento em que se informam os propósitos da escola em questão.

4. (PUC) Assinale a alternativa em que o que se diz entre parênteses seja paráfrase INADEQUADA da expressão extraída do texto.
a) Técnicas de discurso. (técnicas de oratória)
b) Treino de escalada de prédios. (treinamento de maneiras de invasão ou fuga de prédios)
c) Bloqueios de veículo. (cerco a veículos)
d) Relações com a imprensa. (contatos com profissionais do domínio jornalístico)

Gabarito: 1-A, 2-D, 3-B, 4-B

3º ano – Português

1. Um out-door apresentava a seguinte frase: “Devagar não se chega nunca! Voe TAP!”
A base deste texto publicitário se apóia no(na):
A) antítese entre “devagar” e “voe”;
B) desestruturação de um ditado popular;
C) fala direta com o leitor;
D) redundância expressiva de “não” e “nunca”;
E) frases curtas e iniciadas por verbos.

2. O horóscopo destinado às pessoas do signo de aquário do dia 1 de agosto de 2005 era o seguinte, segundo um jornal paulista: “O céu no quadrante ascendente atrapalha a lógica afiada com que você avalia pessoas. Você percebe que as palavras não valem muito sem o aval das atitudes. Cuidado com os julgamentos precipitados.”
Entre as características abaixo, aquela que NÃO faz parte do texto deste horóscopo é:
A) o uso do pronome de tratamento “você”;
B) o emprego de vocábulos de sentido pouco preciso;
C) a predominância de mensagens positivas;
D) o apelo a um jargão “profissional”;
E) o emprego de ordem direta nas frases.

3. (UFU) Todos os verbos seguintes são formados por parassíntese (derivação parassintética), exceto:
a) endireitar
b) atormentar
c) enlouquecer
d) desvalorizar

4.

Analisando a tira acima à luz do texto dado, a única alternativa incorreta é:
a) Chico Bento não usou a norma-padrão.
b) A variedade linguística usada por Chico Bento não está errada.
c) A palavra nho identifica na fala de Chico Bento um traço típico de norma rural.
d) Chico Bento tem consciência da própria norma linguística.

Gabarito: 1-B, 2-C, 3-C, 4-D

Nenhum comentário:

Postar um comentário